Enxaguante bucal pode fazer mal a saúde Fonte: Dr. Marcelo Rezende

Hoje Eu usei enxaguante bucal e minha lingua ficou "dormente" e quando passei-a entre os dentes não pude sentir a sujeira mesmo antes de ter escovado, vi que essa cessação é proposital e esse foi mais um dos motivos, para ter pesquisado sobre o assunto.

Vendo essa dúvida postada no yahoo procurei na inenet a melhor resposta:

  1. Enxaguante bucal faz mal para os dentes?O dentista da minha mãe recomendou q ela usasse todos os dias contra placa bacteriana e gengivite,já a da minha amiga disse q faz mto mal e tem q se evitar ao máximo!
  2. Quem tem razão??

---- Início do texto --------------
Muito se propaga que o jeito certo de proceder à higiene bucal é escovar os dentes, usar fio dental e finalizar com enxaguantes bucais. Mas é preciso estar alerta, porque o uso constante de produtos para bochecos pode amarelar os dentes e comprometer o paladar. Pior ainda, essas substâncias anti-sépticas, oferecidas em uma multiplicidade de marcas, cores e sabores nas prateleiras de drogarias e supermercados, vem sendo usadas no lugar dos procedimentos regulares.

“Há trabalhos que comprovam a ação de colutórios (substâncias para enxaguar a boca) à base de clorexidina. Eles têm efeitos benéficos na proteção da gengiva. Mas, de forma alguma devem ser encarados como substitutos da escovação ou do fio dental, tampouco serem usados desmesuradamente”, diz o doutor Marcelo Rezende, diretor da Smiling Dental Care.

O especialista diz que o uso contínuo de anti-sépticos inibe as papilas gustativas, diminuindo o paladar. “Quando utilizados com muita freqüência, os colutórios podem matar desnecessariamente parte de uma flora bacteriana importante no equilíbrio do pH da saliva e tingir os tecidos da boca, amarelando também os dentes”.

Rezende diz que os líquidos anti-sépticos devem ser usados como coadjuvantes no controle da placa bacteriana, mas sob supervisão de um dentista. “Vale ressaltar que sempre devem ser precedidos por uma boa escovação e pelo uso de fio ou fita dental, que são as principais armas contra cáries e inflamações na gengiva”.

---- Final do texto --------------

Fonte: Dr. Marcelo Rezende, cirurgião-dentista e diretor da Smiling Dental Care (Manaus-AM)
Veja outras resposta sobre essa pergunta no yahoo: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080122084218AAe4448&show=7


Conclusão:
Quem tem razão?
Os dois! O médico por cuidar do problema bucal e a amiga por avisar que é um produto que deve ser usado com orientação e supervisão médica.

Ao contrario do que diz a mídia, falando para usar apenas porque oferece um hálito hiper ultra mega.... refrescaste?

2 comentários

Postagens mais visitadas